Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

 

Há vários motivos para se querer ser bem-sucedido naquilo que se faz, desde o querer reforçar a sua auto-estima, passando pelo concretizar das capacidades e aprendizagens ou mesmo para impressionar as pessoas que estão à tua volta. No teu caso, o que te move para quereres ser bem-sucedido profissionalmente?

 

Anyway, este artigo não pretende trazer nenhuma receita mágica sobre como te poderás tornar bem-sucedido. It´s all about you! Vamos sugerir apenas alguns passos que te podem orientar para o caminho do tão almejado sucesso profissional.

 

 

Quem sou eu?


Existe a necessidade de auto-conhecimento. Quem sou eu? O que pretendo ser ou onde pretendo chegar futuramente? Ao responder a esta série de perguntas verás que urge a necessidade de fazer uma análise FOFA da tua vida. O que te parece?

 

Análise FOFA é um conceito geralmente usado no campo de negócios para determinar as Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças que uma entidade possui em relação aos seus concorrentes ou que pode enfrentar no seu campo de actuação. Contudo, podes fazer o uso do mesmo princípio na tua vida.

 

Para uma melhor análise FOFA da tua vida precisas, primeiro, conceber o teu propósito de vida (profissional). Sem propósito nem visão andas à deriva e com tendência a fracassar. Portanto, determina a tua missão e traça formas de executá-la perfeitamente. Conhecendo os teus pontos fortes e fracos, saberás como abraçar as oportunidades que surgirem ao longo do percurso para poderes aperfeiçoar mais as tuas habilidades ou para adquirir mais aprendizagem.

 

 

 

Sonha, sonha e sonha!

 

Há um provérbio de Virgílio que diz: They can because they think they can (O sucesso encoraja-os: eles podem porque acreditam que podem – tradução livre). Sonha e acredita que podes alcançar. Pois é, quem sonha grande e luta para tornar o seu sonho uma realidade tem maior probabilidade de ser bem-sucedido, tanto profissionalmente como em outros aspectos da sua vida. Outra questão que te deves colocar é: O que pretendes ser a curto, médio ou longo prazo? Esta é uma das questões que geralmente é feita em entrevistas de emprego e que visa perceber até que ponto o indivíduo planifica o seu futuro e como pretende alcança-lo. Para chegares onde pretendes, sonha, acredita e vivencia isso no teu dia-a-dia!

 

 

Sê pro-activo!


Lê mais livros ou artigos na internet que abordam questões da tua área laboral e áreas afins. Assim manténs-te actualizado sobre a tua área profissional e estás mais preparado para intervir em discussões, opinar ou mesmo sugerir algumas mudanças que podem ser benéficas para a tua empresa. Consegues imaginar as consequências da tua empresa adoptar novas práticas sugeridas por ti? Isso seria mesmo brutal!

 

Tal como sonhar, a criatividade é um grande factor motivador. Conectas-te a pessoas experientes e/ou criativas e colherás muitos frutos. Executarás o teu trabalho da forma mais agradável possível e tenderás a alcançar e superar as metas o que fará de ti um profissional notável.

 

Toma a dianteira, não com o intuito de te quereres destacar perante os teus colegas de trabalho, mas para poderes aprender mais e obter uma overview de como o teu departamento ou empresa funcionam. Portanto, dá para poderes receber! Ao te voluntariares para ajudar os teus colegas, sem prejudicar obviamente o teu trabalho, estarás a aprender e também a semear o que poderás colher futuramente!

 

 

Toma nota…

 

O sucesso não vem ao acaso mas, é resultado de planificação e de trabalho árduo para o seu alcance. Na tentativa de fazer melhor poderás cometer muitos erros, o segredo é ser persistente e nunca desistir. Como afirmou sabiamente o grande Séneca: “Our plans miscarry because they have no aim. When a man does not know what harbor he is making for, no wind is the right wind.” (Os nossos planos fracassam porque não têm alvo. Quando se navega sem destino, nenhum vento é favorável”! – tradução livre).

 

Fonte: SAPOESTUDANTE

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:37










Alguma sugestão em relação ao nosso Blog?